5 de fev de 2008

PAC- A pobreza na era digital

Durante uma [1] palestra em 19 de Abril de 1912 na Missão Bowery Abdu’l’bahá declarou que aos pobres pertencem o reino de "deus" (ou o reino de Baha'u’llah) e usou a própria Bíblia pra justificar suas palavras durante o seu discurso (Mateus 5:3). Inspirados nesse tão antigo pensamento o PNUD (Agência da ONU que recebe apoio logístico da fé Bahá’i) começará a monitorar a pobreza dos brasileiros digitalmente
Através desses dos dados num futuro muito próximo a marca da besta, além de devoção, amor doentio ao governo mundial e a própria besta, será implantada possuído valores de “solidariedade”. Até os pobres, se quiserem algum auxilio do governo, terão que aceitar a moeda global. Isso mostra como estamos próximos do fim.
Obs.:Duante esse processo é muito comum “globalistas solidários” serem glorificados com prêmios de cidadania por estarem cooperando com o governo mundial, mas a pobreza e desigualdade social continuam da mesma forma.

Quando, pois, deres esmola, não faças tocar trombeta diante de ti, como fazem os hipócritas nas sinagogas e nas ruas, para serem glorificados pelos homens. Em verdade vos digo que já receberam o seu galardão. (Mateus 6 : 2)

01/04/08

O governo federal deve lançar, em 40 dias, um mapa digital com imagens de satélite e cerca de 790 indicadores para os 5.564 municípios brasileiros. A ferramenta, que poderá ser acessada pela internet, está em fase final de testes no Ministério das Cidades. Com características semelhantes ao Google Maps, ao Atlas do Desenvolvimento Humano e à Wikipedia, o software será chamado de GeoSNIC e aberto a todos os internautas, apesar de ter como função primordial auxiliar gestores municipais no planejamento urbano.

O analista prevê que jornalistas e pesquisadores entrem no site com freqüência. “Os usuários farão o controle social dos dados e apontarão problemas a serem corrigidos, além de pressionar órgãos públicos para divulgar mais informações”, espera. Como é feito com código aberto, o GeoSNIC pode ser aperfeiçoado e modificado, mesmo estando on-line.
Na versão atual, o mapa digital tem imagens via satélite de 40 mil obras federais, a maioria do PAC (Programa de Aceleração de Crescimento). Há, ainda, indicadores socioeconômicos, demográficos e de desenvolvimento humano, além de estatísticas das finanças municipais, como arrecadação de impostos, gastos e obras do poder público. O software traz também dados eleitorais e da gestão dos municípios (por exemplo, sobre a execução dos planos diretores).

Comitê Brasileiro de Direitos Humanos e Política Externa

Veja a lista das instituições que participam do grupo:

- CDHM (Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados)
- Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa do Senado Federal
- UNIEURO (Centro de Estudos em Direitos Humanos)
- Comunidade Baha'i do Brasil
Conectas Direitos Humanos
- FENDH (Fórum de Entidades Nacionais de Direitos Humanos)
- FES (Fundação Friedrich Ebert)
- Gabinete do Deputado Orlando Fantazzini
- IBASE (Instituto Brasileiro de Análises Sociais e Econômicas)

[1] -O discurso dessa palestra se encontra no livro "A paz Universal". Algo semelhante a isso foi entregue ao governo "lula" antes de assumir "o controle do Brasil.